Notícia Câmara de Vereadores realiza Audiência Pública de Avaliação do Cumprimento das Metas Fiscais 2° Quadrimestre 2018

Imagem da notícia Câmara de Vereadores realiza Audiência Pública de Avaliação do Cumprimento das  Metas Fiscais 2° Quadrimestre 2018

Câmara de Vereadores realiza Audiência Pública de Avaliação do Cumprimento das Metas Fiscais 2° Quadrimestre 2018

Por: Suelen Dal Piva.

Foi realizado na Câmara Municipal a Audiência Pública de Avaliação do Cumprimento das  Metas Fiscais 2° Quadrimestre 2018, na oportunidade foram apresentados os dados em cumprimento ao Estabelecido no § 4º do art. 9º da lLi de Responsabilidade Fiscal demonstrando que a Administração Pública encontra-se enquadrada nas metas estabelecidas referentes ao 2º Quadrimestre de 2018.

Em síntese o Contador Mauricio Meneghel explanou às Descrições de Receitas e seus detalhamentos, o comparativo da Receita acumulada, Despesas por Secretaria, Despesas por Elemento, Restos à Pagar, o Total de despesa com pessoal do Legislativo e Executivo, Gastos com Educação e Gastos com Saúde.

Foram detalhados o total de despesa com pessoal do Legislativo do quadrimestre que atinge  o percentual de 1,90%, ao mesmo tempo que  o limite estabelecido é de 6%. Uma economia de 4,1%, já com o Poder Executivo a despesa de pessoal atinge 39,40% onde é considerado teto máximo é de 54%, economia de 14,6%. Além das dessas explanações foram apresentados investimentos gastos de 23,15% na Educação cujo teto mínimo é de 25% anual e 19,58% para Saúde onde o teto mínimo é 15%. Com a apresentação dos dados acima podemos concluir que o município vem arrecadando os tributos de sua competência, bem como que diante de tais resultados temos a satisfação em mostrar aos munícipes que os bem público está muito bem aplicado, considerando-se abaixo dos tetos máximos de gastos, e acima dos tetos mínimos estabelecidos conforme pode ser verificado no percentual da Secretária da Saúde, lembrando que esta é uma avaliação quadrimestral e deve sofrer alterações até o final do ano em investimentos em saúde e educação, contudo não há previsão de aumento de receita com despesas com pessoal de nenhum dos Poderes.



    Imagens da Notícia